sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Falando de Jesus (3) - Seu Ministério, Morte e Ressurreição

Amados em Cristo Jesus, em continuidade com os artigos acerca de Jesus , conforme fora mencionado em anteriores, que nestes ultimas dias de 2011, seria feita uma breve serie acerca do Nosso Senhor Jesus , nesta abordagem gostaria de trazer-vos um breve comentário de seu ministério , a sua morte e sua ressurreição que para a Glória de Deus Pai , o plano de Deus fora executado de forma esplendida e brilhante na pessoa de Cristo. 

Ora , é bem verdade que antes de começar , passa pelos momentos de preparação para o iniciar , este que teve seu caminho preparado por João Batista (Mt 3.1-3) e que fora cumprimento do que vaticinara o Profeta Isaías (Is 40.3) , de fato fora um período breve na vida do Senhor Jesus, mas de suma importância para o Senhor. Pois desta forma ao lermos os Escritos Sagrados , o Senhor insiste em ser batizado por João, confirma seu ministério , e Deus desta maneira passa a bradar e confirmar o ministério do Nosso Senhor Jesus (Mt. 3.17). Após estes acontecimentos O Senhor fora levado pelo Espirito Santo ao deserto para ser tentado , passou 40 dias , tentado por três vezes e uma das lições que aprendemos , é que diante da tentação , do deserto, devamos recorrer a infalível , imensurável ,profunda e inesgotável palavra de Deus (Mt 4.1-11). 

Seu Ministério : Jesus teve seu ministério dado inicio na Judéia , este que durara cerca de oito meses, dos quatro evangelhos esse período passa apenas pelos escritos de João, pois este período na Judéia fora antecedido por um grande milagre em Caná na Galileia (Jo 2.1) ao qual águas se transformaram em vinho (Jo 2.9). Dessa forma neste período , Jesus recebe a visita de Nicodemos (João 3) , prega a uma mulher samaritana (João 4). O período do Senhor Jesus na Galileia segundo Halley , começaram em Dezembro , quatro meses antes da colheita (Jo 4.35,43). Mateus, Marcos ,Lucas aos quais são chamados de Evangelho sinóticos de maneira geral seguem a ordem cronológica ao apresentar este período. Sabemos que o ministério do Senhor Jesus era tríplice , Ele ensinava na sinagoga , pregava o evangelho e curava (Mt 4.23 ; 9.35) , a maior parte do ministério do Senhor Jesus deu-se a pregação e o ensino da Palavra de Deus , a prioridade sempre foi a Palavra de Deus, e em nossos cultos amado(a) leitor(a) qual a prioridade ? cantorias intermináveis cheias de bordões antropocêntricos , humanistas ou a Palavra de Deus que é viva e eficaz (Hb 4.12) ? 

A obra ministerial e oficio de Jesus possui uma divisão tripla , tendo ele como o Cristo Profeta, Sacerdote e Rei , esta divisão não são de dias atuais, mas antigas, usadas por Eusébio (c. 260-340). Cristo como Profeta, vemos que Moisés profetizara acerca de um profeta semelhante a ele (Dt 18.15) esta profecia teve seu cumprimento final em Cristo , sendo o Senhor identificado como este ( At 3.22-24) , ora as pessoas reconheciam Jesus como profeta , a despeito disto , quando Jesus pergunta quem o povo diz ser o Filho do Homem ? e em resposta alguns disseram "ser um dos profetas" pois de maneira entusiástica, principalmente os sacerdotes e fariseus temeram sofrer danos caso "aprontassem" algo contra o Senhor Jesus. O Senhor Jesus também afirmou ser profeta (Mt 13.57) ao qual viera entregar mensagens de Deus aos homens (Jo 8.26).

Em Segundo na divisão tripla vemos Jesus como Sacerdote , que não foi segundo a ordem de Arão, pois Jesus pertencia a Tribo de Judá o desqualificava como um segundo a ordem de Arão, e para ser um sacerdote atônico precisava , ser escolhido e ser qualificado por Deus (Lv 21 ;Hb 5.1-7). Os sacerdotes arônicos, serviam ao Senhor oferecendo sacrificios aceitáveis como representantes do povo de Deus. Nisto o Nosso Sacerdote Jesus, ofereceu apenas um único sacrifício a Deus, oferecendo a si próprio pelos pecados do povo , mesmo não sendo segundo a ordem de arão , mas segundo a ordem de Melquisedeque , que tem a figura em (Gn 14.18-20 ; Hb 7.1-3) Melquisedeque que era rei e sacerdote ao mesmo tempo, os arônicos não podiam exercer dessa forma. E na terceira divisão , vemos Jesus Cristo como Rei , o conceito de rei em Israel tinha para si poderes , legislativos, executivos e entre outros, já Cristo como Rei, era prometido , alvo de profecias e seus cumprimentos, anunciação rejeição e desfecho final da obra do Cristo Rei na Terra. Isaías profetiza acerca do restabelecimento do trono de Davi e este reinaria sobre ele (Is 9.7) , um anjo anuncia a Maria que seu filho reinaria sobre a casa de Jacó (Lc 1.32-33).

Sua Morte: A Morte era cumprimento do plano de Deus para os homens (Jo 3.16) e como dizia o profeta , "como cordeiro foi levado ao matadouro" (Is 53.7). Em sua ultima semana , Jesus chega a Betânia (Jo 12.1 ) logo apos tem sua entrada triunfal em Jerusalém ,na segunda feira tem o acontecimento da maldição da figueira, não se sabe o certo se fora na terça ou quarta que Judas negocia com os sacerdotes ,na quinta ocorre a ultima ceia , e quando chega a sexta era o momento de sua crucificação , aproximadamente Jesus chega ao gólgota as nove da manhã , após ser negado por Pedro , zombado pelos outros ,passado pelo tribunal de pilatos , mandado a Herodes , zombado novamente e devolvido a Pilatos, partindo para os açoites e sua crucificação. 

A crucificação era a forma mais vergonhosa e dolorosa de executar um criminoso, o Nosso Senhor Jesus teve sua morte de Cruz (Fp 2.8) ,exigia-se que o prisioneiro carrega-se a sua cruz ou a trave principal e ainda levasse pendurada em seu pescoço uma placa com a gravura do crime que cometera. Esta placa no ato da crucificação era colocada ao alto da cabeça para que todos pudessem ver o que aquele criminoso teria cometido , Jesus começou a carregar a sua Cruz (Jo 19.17) e teve ajuda de Simão (Mc 15.21). A acusação descrita na placa afixada na Cruz de Cristo constava "Este é Jesus de Nazaré, o Rei dos Judeus" mesmo o povo judeu reprovando a escrita, Pilatos não cedeu dessa vez (Jo 19.19-22).

Apos todos os fatos, houve escuridão por cerca de três horas , Jesus falou tres vezes antes ,falou ao ladrão arrependido e prometeu um lugar no paraíso ao mesmo (Lc 23.39-43) entregou sua mãe aos cuidados de João (Jo 19.18-27) e calou-se por três horas quando veio a escuridão. E por final de tudo , exclamou um brado de vitória "Está Consumado" (Jo 19.30) , desta forma garantiu a vitória triunfando sobre o Madeiro (Hb 2.14 ;Cl 2.15). 

Sua Ressurreição: Muitos pensavam que era mais um que tinha se levantado em meio a Israel, mas fora um ledo engano , pois o Salvador iria ressuscitar ao terceiro dia como fora prometido (Mt 20.19) a sua ressurreição fora confirmada por anjos quando as mulheres foram ao sepulcro (Mt 28.6) isto testifica o seu ministério como um verdadeiro Profeta de Deus. Mas alguém poderia contra argumentar, qual sentido tem para nos Cristão a sua ressurreição? Ora, comprova que Jesus realmente é o Filho de Deus , que teve autoridade de sacrificar sua vida e tornar de volta (Jo 10.17,18) é comprovada a veracidade das Escrituras , sendo confirmada também a nossa ressurreição futura (I Ts 4.13-18). O mesmo Senhor que apareceu as mulheres (Mt 28.8-10) apareceu a Pedro (Lc 24.34) para os discípulos na entrada de Emaús (Lc 24.13-32) para os discípulos incluindo tomé (Jo 20.26-29) No Mar da Galileia ( Jo 21.1-24) . Este mesmo Senhor que morreu e ressuscitou ao terceiro dia, prometeu voltar , ele vai voltar , teve sua ascensão vista por todos (At 1.6-11) e enquanto olhavam para o Mestre, dois anjos aparecerem confirmando também que o Senhor voltará (At 1.11)
Você está preparado leitor para a Volta do Senhor Jesus ? Ainda há tempo de se humilhar , lembrar de onde parou e voltar as primeiras obras. O mesmo Senhor que curava e dizia "perdoados está o seu pecado" ainda pode fazer isto na sua vida (I Jo 1.9). Não termine o ano longe do Senhor, ele prometeu voltar e voltará para buscar os seus.
Dessa forma que possamos ficar firmes e constantes e abundantes na obra do Senhor, sabendo que nosso trabalho não é vão.

Olhai, vigiai e orai; porque não sabeis quando chegará o tempo. (Mc 13:33)

Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir.(Mt 25:13)

Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor. (Mt 24:42)

Que Deus em Cristo vos abençoe ,

Em Cristo.

Ruan Balbi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

postagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...